Spitfire Demons - Formado por grandes nomes do Psychobilly, trio fará a sua estreia no Psycho Carnival 2018

Spitfire Demons. Foto: Sid Pics
Por Marcos Anubis. CWB Live
Com apenas cinco meses de estrada, o trio Spitfire Demons, de São Paulo, foi pego de surpresa com o convite para se apresentar no Psycho Carnival. O show do grupo acontece no dia 11, no Jokers, na terceira noite da 19ª edição do festival. Porém, mesmo que esta seja a estreia da banda no evento, Alex from Hell (guitarra), Maniac Biffs (baixo) e Alan Rat Skates (bateria) não passam nem perto de serem “novatos” no movimento psycho.

Alex fez parte da lendária Kães Vadius, formada em 1985 e considerada por muitos a primeira banda psychobilly brasileira. Já Rat Skates e Beefs também fazem parte do The Krents, formado em 1993, um dos grupos mais antigos e respeitados do estilo no Brasil.

Mesmo com essa bagagem, o trio não esconde a alegria de poder voltar ao palco do Psycho Carnival com seu novo projeto. “Estamos muito ansiosos para mostrar ao público pela primeira vez algo que nós criamos. E fazer isso logo no Psycho Carnival é foda demais, ficamos sem palavras! O convite veio de maneira completamente inesperada. Quando começamos, até brincamos entre nós o quanto seria foda se tocássemos no Carnival… Daí, apenas alguns dias depois, o convite veio!”, diz Biffs. 

Quando receberam a notícia, a banda sequer tinha definido o seu nome. “Foi aquele choque porque tínhamos só algumas músicas e nem o nome da banda estava definido direito. O fato de terem nos dado esse voto de confiança é algo indescritível. Isso faz com que a gente queira ainda mais fazer o melhor show possível para não decepcionar a organização que acreditou em nós e nossos amigos que estarão assistindo ao show”, complementa Biffs.


Share on Google Plus

Sobre Bone Shaker

Idealizador do site Psychobilly Brasil. Carioca, pai, esposo, trabalhador, aprendiz de baterista e entusiasta na internet. Formado em História e amante da música. Descobriu o Psychobilly com o Sick Sick Sinners e desde então decidiu que queria aquilo para sua vida. É baterista da banda Skullbillies a qual tem uma relação de amor e ódio.
    COMENTAR COM GOOGLE
    COMENTAR COM FACEBOOK

0 comentários:

Postar um comentário

O Psychobilly Brasil agradece a sua participação. Volte mais vezes!
Stay Psycho!