Shock Rock - Programa #06 (16/05/2017)

Shock Rock - Programa #06 (16/05/2017)
Sem o Rhythm and blues, não existiria o Rock’n’Roll nem Rockabilly.

O programa SHOCK ROCK que foi ao ar no dia 16 de maio de 2017, trará três grandes artistas deste estilo, que mudaram a história da música, e que também sofreram muito no começo das suas carreiras, sendo reconhecidos por suas músicas muitos anos depois de compostas.

Richard Berry, responsável pela composição de Louie Louie, música que teve mais versões gravadas que qualquer outra, só conseguiu receber os direitos pela obra 30 anos depois.

Lloyd Price compositor dos hits Stagger Lee e Lawdy Miss Clawdy regravada por Elvis e vários outros, também teve seu reconhecimento tardio, só entrando em 2010 no Louisiana Music Hall of Fame.

Bo Diddley que em 1963 teve seu show aberto por ninguém menos do que os Rolling Stones, gravando com feras como Marvin Gaye e tantos outros serviços prestados ao Rock, acabou por nunca receber os royalties dos seus primeiros trabalhos.

Acompanhando estas lendas teremos também, Demented Are Go, Frenzy, Incrível multi artista O Lendário Chucrobillyman, Alien Sex Fiend, Long Tall Texans, The Mullet Monster Mafia e muito mais!

Bloco 1
Bo Diddley - You Can’t Judge a Book by The Cover (Willie Dixon)
Sandy and The Wild Wombats - Have Love Will, Travel (Richard Berry)
The Death Row - Can’t Buy Me Love (The Beatles)
Long Tall Texans - Saints and Sinners
Happy Drivers - La Isla Bonita (Madonna)
Demented Are Go - Skating in the Rain

Bloco 2
Richard Berry and The Pharaos - Luie Luie
Carolina and Her Rhythm Rockers - Back Home
Coffin Nails - Let’s Wreck
Alien Sex Fiend - Boneshaker Baby
The Mullet Monster Mafia - Holiday in Cambodia (Dead Kennedys)

Bloco 3
Lloyd Price - Stagger Lee
Honeydippers - Guns of Brixton (The Clash)
O Lendário Chucrobillyman - Chicken Style
The Go Katz - I Will Survive (Gloria Gaynor)
Frenzy - I Gotta Go
Share on Google Plus

About Bone Shaker

Idealizador do site Psychobilly Brasil. Carioca, pai, esposo, trabalhador, aprendiz de baterista e entusiasta na internet. Formado em História e amante da música. Descobriu o Psychobilly com o Sick Sick Sinners e desde então decidiu que queria aquilo para sua vida. É baterista da banda Skullbillies a qual tem uma relação de amor e ódio.
    COMENTAR COM GOOGLE
    COMENTAR COM FACEBOOK

0 comentários:

Postar um comentário

O Psychobilly Brasil agradece a sua participação. Volte mais vezes!
Stay Psycho!